14 junho 2015

Momento Popcorn: Jurassic World





Sinopse: 22 anos após os acontecimentos de Jurassic Park, na Ilha Nublar, foi inaugurado um novo parque de dinossauros, realizando o sonho de John Hammond (Richard Attenborough). O parque é intitulado de "Jurassic World" e é administrado pela Masrani Global, empresa do bilionário Simon Masrani (Irrfan Khan) que comprou a InGen após os dois Incidentes na Nublar e em San Diego. O novo parque, depois de 10 anos funcionando, alcança a marca de 10 milhões de visitantes. Entretanto, com o passar do tempo, o público se cansa dos mesmos dinossauros. E é aí que a equipe de geneticistas liderada pelo Dr. Henry Wu (B.D. Wong) resolve criar uma nova atração, algo que trouxesse de volta o interesse do público. A nova atração é um dinossauro híbrido que mistura os DNAs do Carnotauro, do Majungassauro, do Rugops e do Giganotossauro. É o Indominus Rex

Primeira Impressões: Creio que muitos que já assistiram os primeiros filmes foram assistir esse filme sem saber o que esperar dele, mas não me decepcionei. O filme já começa com uma cena que causa bastante suspense e chama a atenção, dois ovos de dinossauro eclodindo e logo depois a cena muda. Gostei desse começo pois ela causa uma certa curiosidade e depois podemos entender que dinossauros são aqueles e quais foram os seus destinos. Primeiramente somos apresentados a Zach e Gray Mitchel, que estão indo passar um tempo no Jurassic World. Assim que eles chegam no Jurassic World, além de termos a visão familiar da ilha, somos apresentados a um mundo surreal, como se fosse uma Disney World só para dinossauros. Senti que conseguiram passar a ideia do parque muito bem, pois me senti totalmente emergida no filme e até certo ponto cheguei a imaginar como seria se tivéssemos um parque assim, mas acho que isso fica só pra nossa imaginação mesmo. Uma coisa conflitante durante o filme é que os dinossauros estão domesticados ( parte deles) e as pessoas podem transitar livremente entre eles, crianças podem montar em dinossauros e podem até mesmo abraçar dinossauros, algo que jamais se passaria por nossas cabeças devido ao que vimos nos filmes anteriores. Depois somos apresentados a Claire Dearing (Bryce Dallas) que é uma cientista muito ocupada que esta sempre pensando no trabalho e em como deixar o parque melhor, nem mesmo tem tempo para ficar com seus sobrinhos ( Zach e Gray) e por isso manda uma assistente cuidar deles, o que não da muito certo. Claire mostra a Masrani o Indominus Rex e Masrani convence Claire de que precisam de Owen (Chris Pratt) para domesticar o novo dinossauro. A relação pertubada entre Claire e Owen é bastante engraçada e da um toque cômico ao filme, mas vamos ao que interessa, não é mesmo? Jurassic Park não seria Jurassic Park se não tivesse uma fera sanguinária solta pelo parque para o terror de todos, não é mesmo? Então, esse novo dinossauro o Indominus Rex é muito inteligente e da um jeito de enganar a todos e fugir de sua jaula e é assim que começa a verdadeira ação desse filme, com sangue, efeitos especiais maravilhosos e muita emoção. Eu simplesmente AMEI todos os momentos depois que o Indominus Rex fugiu de sua gaiola, a cada minuto era um pequeno enfarto devido a algum susto ou temendo que acontecesse algo com os personagens principais, os efeitos especiais foram ótimos ( e assistir em 3D apenas melhorou a experiência), teve ação na medida certa e também teve humor na hora certa para quebrar um pouco, a tensão do filme. Algo que eu gostei bastante também foi o fato de ainda existirem as ruínas do antigo parque, adorei o fato de não terem se esquecido dele, seja nas ruínas ou em uma blusa do antigo parque que um personagem usou o filme inteiro. Devo ressaltar aqui que a personagem de Claire que parecia ser bem "fresca" no ínicio do filme surpreendeu se transformando em uma guerreira para poder defender os sobrinhos, e para mostrarem o quanto ela é fodona, ela passou por tudo isso sem descer do salto (literalmente) até o fim do filme. Além de tudo isso temos a aparição de um antigo "amigo" do nosso querido parque, que foi "convocado" para ajudar a salvar o dia. Ja conseguem pensar em quem? Bom, para saber como tudo isso termina recomendo que vão ao cinema mais próximo e assistam esse filme, porque vale muito a pena.









Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário