21 janeiro 2016

Resenha: Rússia de Todos os Czares - Antonio Carlos Gaio



Título: Rússia de Todos os Czares.
Autor: Antonio Carlos Gaio.
Editora: Vermelho Marinho.
Número de páginas: 108.


Sinopse:
A Rússia cresceu por entre invasores tártaros que a verteram em fogo, cinzas e destroços ao se assenhorearem da Rússia imberbe, assentando-se nas estepes da Rússia Branca, e originando no russo um temperamento impulsivo e de espírito arraigado à sua terra, desconfiado dos estrangeiros e submisso a um poder autoritário.
Este livro mostra como nasceu e se consolidou como país, girando em torno dos czares até chegar ao comunismo, onde detalho suas intempéries no século XX não com a visão de um comunista, mas procurando desarticular conceitos arraigados e difundidos pelos que demonizam os responsáveis pelo fim da propriedade privada.
Sabedor de que no Brasil o interesse se concentra primordialmente no maior fenômeno político do século XX - o comunismo na União Soviética -, este livro se mostra informativo, tanto para a faixa infanto-juvenil quanto para a universitária, enveredando pela cultura russa para mergulhar em sua alma, na tentativa de desvendar o caráter sanguinolento com que construiu sua civilização permeada pela tragédia, a imprimir sua personalidade singular derramada em emotividade exacerbada ao longo de sua história, com a Igreja Ortodoxa nos seus calcanhares.
Embora obras-primas tenham sido escritas, encenadas, compostas, pintadas e produzidas a partir do século XVIII, estiveram sujeitas à censura de czares de todos os gêneros e estilos que o destino até hoje reserva à Rússia. Ato indigesto que foi punindo o seu cidadão que, de censura em censura, tornou-se um dos maiores consumidores de cultura do mundo. Contradição que consagra a “Rússia de todos os Czares”.


Crítica:
Rússia de Todos os Czares, é um livro histórico (como pode-se perceber pela sinopse) e vem nos contando sobre a história da Rússia desde o feudalismo, o surgimento e o fim da monarquia (Czarismo ou Tzarismo), o comunismo e a sua representação atual, passando pelas grandes gerras e revoluções, além de apresentar alguns personagens e mencionar alguns já conhecidos, como Ivan - O Terrível - Stalin e Lenin. É um pouco diferente dos livros que costumamos resenhar por aqui, mas precisei abrir uma exceção para este, por ser amante declarada da cultura de vários países, incluindo a Rússia.

De escrita um pouco rebuscada e bastante rica, eu o indicaria como paradidático escolar do Ensino Médio ou opção literária para estudantes do curso superior de História, além de, claro, para todo àquele que for fã da matéria e quiser descobrir alguns dos mistérios russos, pois o livro não trata apenas de política, mas também, de cultura, mencionando a história das Matrioskas e a influência russa na literatura e cinema.

No meu caso em particular, enrolei um pouco do comunismo em diante, por não ser um assunto que me interessa muito, mas simplesmente devorei os capítulos sobre o czarismo e cultura, que são bastante interessantes. Rússia de Todos os Czares tem muitas imagens, tornando a leitura ainda mais tranquila, mas senti falta de imagens de mapas da geografia mais antiga do país, ou até da atual organização geográfica, pois seria mais fácil a localização mental dos primeiros capítulos.

Para conhecer outros títulos do autor, visite o site dele, Jornal DuGaio

Nota:
May the force be with youThat's all, folks!

Comentários
20 Comentários

20 comentários:

  1. Ola Bia lindona confesso que a premissa do livro não me chamou muito atenção, ainda mais sendo um livro histórico que para mim as vezes se arrasta por conter muitas informações. Mas fico feliz em saber que a leitura fluiu para você. beijos


    Joyce
    wwww.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  2. Olá
    Achei o livro bem interessante, adoro história e cultura dos povos, acho que faria como você me arrasto no comunismo e devoro o czarismo e a cultura. A Russia realmente tem uma cultura bem rica e é uma pena que seus próprios lideres tentam de todas as formas abafa-las.

    http://poyozodance.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oiee ^^
    Eu também adoro aprender mais sobre outras culturas ♥ a da Rússia é uma que sempre me intrigou, então eu leria esse livro sem prensar duas vezes. Seria bom se o livro tivesse os mapas antigos, né?! Confesso que não sabia desse livro até ler a sua resenha, mas já coloquei na listinha...haha' adoro livros históricos ♥
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Li um livro que se passava na Russia no inicio do seculo XX e confesso que não entendi a parte politica. Acho que este livro iria me ajudar a entender mais, em uma outra leitura futura. Quero conferir!
    Meu Amor Pelos Livros
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Nunca fui muito de ler livros do gênero, mas ultimamente ando me interessando bastante, não sei porquê hahaha Sempre bom ler uma resenha sobre algo que nos tire da zona de conforto. :)

    Abraços,
    http://controleliterario.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oi Bia!
    Eu sempre gostei muito da Rússia. Tenho muita vontade de saber mais sobre ela e esse livro me parece ser uma boa aposta. Além do mais, esse me parece ser bem diferente de tudo o que eu já li e tenho na minha estante, o que faz com que eu me sinta mais instigada a ler. Estou cheia dos desafios este ano. Não me importo com a linguagem, até porque com caráter histórico fica impossível ter uma linguagem muito atual. Quero ler logo. Valeeeeeeeu pela resenha :)

    ResponderExcluir
  7. Eu gosto de livros históricos, mas não deste tipo. Mais aquelas ficções que comentam sobre a história do lugar sabe? Realmente passaria essa leitura, mas achei muito útil para quem é fã do assunto.
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  8. Olá Bia!
    O czarismo me chama atenção desde a primeira vez que escutei sobre ele. Achei ótima essa sua indicação, é bom sair dos livros que costumamos resenhar pra outros que ninguem sabia que você lia. Cultura é o que mais me interessa no mundo, acho que vou amar.
    PS: comunismo tb não me interessa, dá pra passar sem perder muita coisa do que é bom?
    bjss
    http://umavidaliteraria1.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Isa. Olha, até pode pular, mas o Comunismo é parte fundamental da história Russa (e também toma uma grande parte do livro). Se realmente detestar ler sobre o assunto, pula, mas toma cuidado porque algumas partes sobre a cultura estão no meio, porém, acredito que o esforço para ler venha a valer a pena, pois é uma história magnífica.

      Excluir
  9. Olá!

    Não gosto de livros históricos, sei que eles tem muito a acrescentar, mas nunca gostei de livros história, e isso é desde o tempo da escola hahaha. A premissa também não me chamou a atenção, por isso deixo a dica passar.

    Beijos,
    https://entreoculoselivros.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  10. Olá... tudo bem???
    Bom não entendi muita coisa na resenha... na verdade não curto livros históricos porque nunca entendo nada... pode parecer loucura ou até mesmo um pouco de burrice, mas sempre me dei mal nessa matéria, então a leitura com esse tipo de fato não me atraí... mesmo que a leitura tenha ficado um pouco arrastada em determinado tempo do livro, que bom que curtiu a leitura, para quem gosta do tema desse ser uma leitura muito rica... Xero!!!

    http://minhasescriturasdih.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Olá! Eu gosto bastante desse tipo de livro. É sempre muito enriquecedor conhecer novas culturas e visões de mundo. A parte cultural que você mencionou foi a que mais me chamou a atenção. Se um dia eu vir a ler o livro, será por conta desse capítulo, que parece muito legal =) Beijos!!

    ResponderExcluir
  12. Oláa
    Me interesso bastante pela história da Rússia nessa parte sobre o Czarismo,Lenin e tal..mas não sei se eu iria querer lê-lo,pra mim achei esse livro bem técnico mesmo e pra mim se torna uma leitura arrastada mesmo contendo fotos ilustrativas..seria uma boa pra quem faz curso de história :)

    http://livroaoavesso.blogspot.com.br/2016/01/resenha-magia-do-sangue-trilogia-primos.html#comment-form

    ResponderExcluir
  13. Oiii!!

    Eu sou estudante de Jornalismo e confesso que odeio História hahahaha. Mas acho é pq só tive professores ruins.
    Gostei da obra e de saber que a cultura foi bem trabalhada mas confesso que o fato de ter um linguajar rebuscado me deixou receiosa. Mas quero ler mesmo assim.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  14. Mesmo tendo achado legal a parte sobre cultura (amei essa coisa de histórias das Matrioskas e influência da Rússia na literatura e no cinema), ela seria a única que me interessaria, então não acho que valeria a pena embarcar na leitura. Não sou ligada em história, então dificilmente leria algo do tipo.

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  15. Olá; ainda não conhecia o livro mas acho que leria ele sim, pois gosto de conhecer mais sobre outros lugares, histórias e culturas, e como ele não parece ser muito grande em número de páginas, acho que seria uma boa leitura.


    Participe do sorteio da Trilogia A Caverna Cristalina: petalasdeliberdade.blogspot.com .

    ResponderExcluir
  16. Oi
    Apesar de gostar de livros históricos, esse não chamou muito minha atenção.
    Acho que também me enrolaria toda na leitura e provavelmente abandonaria.
    Mas que legal você ter chegado ao fim e que a leitura ficou interessante e as imagens ajudaram
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
  17. Adorei conhecer a obra e ver sua opinião madura sobre ela. Parabéns. Acho que, como blogueiros, precisamos valorizar nosso papel também como disseminadores de cultura. Esse livro, em especial, parece realmente interessante para quem deseja conhecer mais de história e da Rússia. Com certeza, embora com linguagem um pouco rebuscada, pretendo ler.

    Beijos!
    http://www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
  18. Olá,
    Para ser sincera não curto muito esse tipo de livro. Apesar desse apresentar uma história incrível da Russia. Não sei mas acho que ia chegar uma parte do livro que iria enrolar igual você enrolou. Mas gostei da resenha e da oportunidade de conhecer o livro e saber do que se trata.
    Bjss

    livrosemarshmallows.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  19. Não é meu forte livros históricos rsrs Não procuro por eles, mas gostei de topar com um por aqui xD De fato, sempre tem a parte que não nos interesse e ai a leitura enrola mesmo...
    -Mari

    ResponderExcluir