22 fevereiro 2016

Resenha: A Estranha Mente de Seth - Alana Gabriela


Título: A Estranha Mente de Seth.
Autora: Alana Gabriela.
Editora: Autografia.
Número de páginas: 146.
Ebook cedido pela autora.
Sinopse:
Seth R. é um jovem extremista, um pensador que vive entre aulas matinais na faculdade e noites de treino numa sociedade clandestina e assassina em Vojerasa. Seth tem duas obsessões que controla com frieza e paciência: manter Lauren, seu amor platônico e sôfrego, pura para sempre e matar o conde Luendres Marquez. Tudo foi planejado. Ele tem um plano perfeito. O mártir perfeito em quem se apoiar. Seth fará o impensado e causará a Primeira Grande Guerra.
Crítica:

A estória de A Estranha Mente de Seth se passa no Kentauk, um país invadido e dominado pelo império de Birron. O império é opressor e quer fazer as pessoas se calarem e pensarem somente o que eles desejam. Seth Richards narra sua estória aos pouco encaixando informações sobre o império e o que ele tem a ver com o seu país.

Seth é um jovem de dezenove anos, ele veio de uma família de 8 irmãos, 6 deles morreram devido a doenças e restou apenas ele e seu irmão mais velho Carlisle. Seus pais são agricultores e moravam em uma fazendinha no interior, porém Carlisle e Seth vão para a cidade grande e os pais acompanham Seth. Apesar de Carlisle ter ido morar no exterior ele sempre ajudou Seth.

Seth é revoltado com o império e seu sonho é ser um ícone como Latos que tentou matar o imperador e se matou logo em seguida, porém o imperador continua vivo. Seth não gosta muito de se relacionar com as pessoas e se isola muito do mundo, até mesmo de sua família. Não conversa muito com os pais e de início parece que ele apenas tem desprezo por eles, mas em determinadas situações no meio do livro pode-se ver que tem um certo carinho, pois não os quer decepcionar. Ele tem um amigo, o Oliver, mas acho que é só para não dizer que não tem amigos, pois a maior parte do livro ele fica pensando em como ele é um otário.

O título do livro é mais do que perfeito para ele, pois a mente de Seth é muito estranha mesmo. Medonha na verdade. O garoto tem sérios probleminhas e deveria se tratar e não sair por ai tramando coisas. Eu entendo a revolta dele contra o império perfeitamente, mas outras coisas mostram que ele não tem sanidade alguma. Ele coloca o objetivo de destruir o império acima de saúde e ao invés de se cuidar, fica mentindo para si mesmo dizendo que não esta doente. Ele tem um amor platônico por Lauren uma garota de sua faculdade, mas não é aquele amor normal no qual ela jamais olharia para ele e ponto. Ele acha que ela é um ser divino e intocável que deve permanecer sempre casto e puro, portanto ele a observa de um quarto que alugou em um prédio perto da casa dela e além disso ele espanta todos os namorados dela, os ameaçando e torturando. E o que ele faz no final com ela é ainda pior.

Como na mente doentia de Seth ele não pode ter Lauren, ele acaba se envolvendo com a sua professora Mary para saciar as suas vontades carnais. O que eu acho horrível também, pois ninguém deveria ser objeto de ninguém.

No início a autora diz que a estória era baseada em fatos reais e eu não conseguia ligar a que, ate que no final ela disse que se inspirou no atirador de Saravejo que deu o estopim a Primeira Guerra Mundial. E foi ai que eu percebi que apesar de eu saber história, amar história e o colégio que estudei ser bom, minha educação não foi tão boa assim, pois eu desconhecia essa história. Mas achei super legal ela ter estudando e se aprofundado no assunto para criar o personagem Seth e o que havia em sua estranha mente.

Fiquei curiosa para saber o que aconteceu com Lauren no final, mas acho que nunca saberei pois o personagem principal era Seth. É um livro muito bom, e acho que quem estuda psicologia pode tirar bom proveito, pois não resta dúvidas de que Seth tem alguns problemas. Ele pode ser um psicopata talvez? Achei a capa do livro bem interessante e acho que talvez possa ter algo a ver com o isolamento de Seth, mas só a autora para explicar isso melhor. Não encontrei erros de português, mas achei que em alguns momentos a autora usa palavras difíceis demais, tive que parar em alguns momentos e ir olhar o dicionário.  Gostaria de poder ter falado melhor sobre o livro, mas é difícil quando se trata de uma mente tão complexa quanto a de Seth. Bom, se você não tem problemas em ler o livro em que o narrador e personagem principal tem uma mente bem doentia, acho que pode encarar esse livro numa boa.

Se quiser comprar o livro, você pode compra-lo aqui.

É isso ai Cults! Espero que tenham gostado de conhecer mais esse livro.

Beijinhos e até a próxima!

E a verdade é que o estranho é a única coisa verdadeira na bagunça toda que se chama vida. -Pág. 17
Fico quieto, parado, pensando sobre o que ele perguntou. Pisco algumas vezes para recobrar todos os sentidos e as lembranças. Forço minha mente para pensar, então me lembro que me deitei e nada mais me vem à mente. -Pág. 100
"Ele foi meu primeiro modelo. Quando tinha 17 anos passei noites inteiras em seu túmulo, refletindo sobre a nossa condição miserável e pensando nele. Foi lá que decidi, mais cedo ou mais tarde, cometer um ultraje." -Pág. 126
Nota:
Comentários
27 Comentários

27 comentários:

  1. Gosto muito de livros que tratem a questão da mente humana, pois, apesar de não ser psicóloga, isso sempre me chamou muita atenção haha Tenho uma atração especial por assuntos do gênero.
    O livro parece ser bem curtinho e rápido de ler, o adicionarei à lista para lê-lo entre algum livro bem longo. :)

    http://magoevidro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oi, tudo bem?
    Sua resenha está muito boa! Parabéns.
    Olha o Seth é um personagem realmente muito estranho, nossa! Acho que ler toda a história através do ponto de vista dele, deve ser um pouco perturbador inclusive.
    Interessante ser inspirada em fatos reais e te confesso que também não conhecia essa história.

    Beijos :*
    http://www.livrosesonhos.com/

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Gente que mente louca esse cara tem. Pela sua resenha ele era meio desmiolado e descontrolado, por que tortura quem chega perto da Lauren aí é demais. Realmente quem gosta de psicologia vai amar o livro, mas para mim não cairia bem.
    Adorei a sua resenha.
    Beijinhos!
    http://www.eraumavezolivro.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi Flor
    Confesso que não conhecia o livro, mas que confuso esse personagens.
    Gosto de distopias e aliado a personagens um tanto problemáticos, tudo fica ainda mais interessante.
    Com certeza é uma leitura que exige do leitor, mas deve ser incrível acompanhar.
    Gostei da dica e anotei para quando surgir uma oportunidade.
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
  5. Oie!!!
    Sua resenha está ótima !! Parabéns!!!
    Mas esse livro... Meu Deus.. acho que ficou com medo desse protagonista.
    Não é o tipo de livro que eu leio, nem de longe! huhuhu
    É bem interessante para pessoas que curtem esse lado mais psicológico, e com uma analise minuciosa de personagens !! o que não é o meu caso!
    Mas é uma ótima dica.

    ResponderExcluir
  6. O fato de eu ter achado o livro bizarro e ter me interessado ainda mais por ele me faz estranha também? Achei a história loucamente incrível e estou com muita vontade de me aventurar na mente de Seth. Adorei a resenha e a dica do livro!

    Beijos,
    Mariana Baptista
    umavidaporlivro.wordpress.com

    ResponderExcluir
  7. A mente humana pode ser bem esquisita, confusa e assustadora e pelo visto essa é a mente do personagem Seth neh?!
    Eu fiquei meio na duvida entre ler ou não esse livro. Apesar da autora se basear em um fato histórico, trabalhar a mente humana não senti aquele algo mais pela premissa. Sabe aquilo que enche seus olhos de brilho e você logo diz: tenho que ler esse livro?
    Acho que vou deixá-lo para uma futura oportunidade.
    Bj
    Camila Bernardini Coelho

    ResponderExcluir
  8. Eu estou louca por esse livro. Acho que o mistério que a autora acrescentou ao enredo é fantástico. Fico pensando em mil possibilidades para o desenvolvimento dessa história e a cada resenha que leio, vejo uma surpresa. Eu não sabia que ela tinha se inspirado no atirador de Sarajevo e agora fico com mais uma pulga atrás da orelha.

    ResponderExcluir
  9. Pelo que li na sua resenha ele tem sim grandes chances de ser psicopata,
    fiquei curiosa pela história, gostaria de conhecer mais de perto essa mente tão perturbada. Triller psicológicos me atraem desde que estudei saúde mental na faculdade, mas não tive a oportunidade de ler muitos títulos, vou tentar encontrar esse, já estou com o coração partido tentando imaginar o que ele fez com a garota.

    Abçs
    Sou bibliófila

    ResponderExcluir
  10. Oi Pamela

    Nossa não sei se conseguiria encarar esse livro, o protagonista é perturbado no minimo rsrsrsr Fico bastante triste quando não o que vai acontecer com algum personagem secundário, até porque o foco é o protagonista =/ Mas bate aquele curiosidade.


    Bjosss

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Olá, tudo bom?

    Adorei sua resenha. Pelo jeito esse menino é um psicopata mesmo haha Sério, tenho até mesmo medo do que ele fez com a Lauren. Ele devia estar fora de circulação e internado em algum lugar, pq olha... u_u

    Resenha maravilhosa, fiquei com vontade de ler o livro apesar do medo que tenho do Seth ;)

    Obrigada pela dica.

    Beijos.

    http://instantesmemoraveis.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Oie.
    Tudo bem?
    Eu já havia lido outra resenha desse livro, fiquei muito curiosa para conferir eu mesma. Que premissa louca gente e admito que a curiosidade bateu forte, quero conhecer essa mente doentia de Seth kkkkkkk
    Tenho muita vontade de fazer psicologia então como você já disse acho que o livro vai ser bem proveitoso para mim heheheheh.
    Também fiquei curiosa para saber o que aconteceu com Lauren, louco o leitor não saber o final de um personagem kkkkk Adorei sua resenha.

    http://colecoes-literarias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. OIii!

    Ainda não li nada da autora, mas tenho um livro dela em ebook. Achei interessante ela usar dados históricos e se basear em história real para o livro. Eu ODEIO história hahahaha, sério! Principalmente, quando é sobre primeira e segunda guerra, gosto mais da época da ditadura <3 <3 Enfim, a escrita parece ser ótima e bem desenvolvida, mesmo com algumas palavras dificeis :) não leria no momento, mas em breve!

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  14. Olá,
    Sinceramente, acho que não vou ler esse livro. Só lendo sua resenha já fiquei angustiada e fiquei chocada quando li que foi em fatos reais.. Eu também não conhecia sobre esse atirador.
    Não ia ter estrutura para conhecer a mente doentia de Seth.
    Parabéns pela resenha
    beijos
    Conchego das Letras

    ResponderExcluir
  15. Olá!
    Já me falaram que esse livro é pesado. Eu super adoraria a leitura, mas acho que vou ler mais pra frente. O Seth com certeza deve ter alguma coisa, porque toda essa revolta não é normal. Eu adoro ler essas coisas meios psicopatas e tals, então acho que será um deleite. :D

    ResponderExcluir
  16. Oie, não conhecia o livro e nem a autora. Fiquei bem curiosa com o final do livro e imaginei as atitudes do Seth. Anotei a dica e espero ler em breve. Aproveitei a sua conclusão e indiquei ara uma amiga que está cursando psicologia e acho que ela apreciará.
    Meu Amor Pelos Livros
    Beijos

    ResponderExcluir
  17. Oi, curti bastante a condução da tua resenha, mas não curti a premissa do livro, logo de cara já tinha desgostado do excesso de nomes e sobrenomes estrangeiros em um livro nacional, algo que me incomoda sempre e na sequência achei o enredo bem confuso, Apesar de gostar muito de tramas psicológicas, essa não me atraiu, não leria.
    Beijos

    ResponderExcluir
  18. Olá!

    Eu já tinha ouvido falar desse livro em algum lugar, e fiquei super curiosa para saber mais sobre ele, lendo sua resenha tive um vislumbre de como a estória se desenvolveria, a premissa é muito boa, e o assunto além de peculiar, é algo que da margem a discurssões, adoro temas assim, e já adicionei o livro a minha listinha.

    Beijos,
    entreoculoselivros.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  19. Oie!
    Nossa, fiquei curiosa com a mente desse jovem, o que será que ele apronta em todo o livro? Com certeza, vou devorar essa leitura, e só vou sossegar com quando ler a última página. Muito boa essa dica.
    Bjks!

    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  20. Olá, tudo bem??

    Adoro esses livros com uma pegada mais histórica... Achei bem legal que a autora se inspirou em fatos reais! Muito bacana essa procura por aprofundamento no fato, e também a criatividade pra tirar um enredo inteirinho dali né hehe
    Adorei a resenha, mas ainda assim acho que não é um livro que eu leria
    Obrigada pela indicação!

    XOXO
    Umnovo-roteiro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  21. Olha pelo que você falou do livro me parece ser uma trama bastante instigante, mas eu não sei se seria uma leitura que pegaria sabe? Eu sou uma pessoa que se impressiona muito facil com algumas coisas e como eu não estou na fase para o gênero eu acho melhor nem pegar. Mas mesmo assim pela sua resenha me despertou um interesse por conta do personagem. Deve ser uma leitura muito envolvente. Espero ainda quem sabe fazer a leitura, mas vamos ver né? hehehe

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2016/02/resenha-espera-de-romeu.html

    ResponderExcluir
  22. OI!!!

    A autora fez uma parceria comigo e em breve estarei lendo esse livro. Estou bem otimista e só não comecei ainda pq o mesmo esta em ebook e as vezes minha vista se torna a vilã.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  23. Oiee ^^
    Só li as primeiras páginas desse livro, mas foi o suficiente para me prender. A mente do Seth é mesmo estranha...hehe' acho que nunca tinha lido um livro desse tipo antes, então foi uma grande surpresa para mim. Estou doida para ler o restante das páginas ♥
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  24. Parece que esse livro é interessante, eu adoro personagens doidos. Eu não conhecia esse livro, obrigada por ter me apresentado ele.

    paradonaestante.blogspot.com.br
    facebook.com/paradonaestante

    ResponderExcluir
  25. só de ler a sua resenha já fiquei um pouco agoniada. Não estudo psicologia, mas adoro livros que tratam temas que despertariam interessa na área. A mente doentia de Seth é definitivamente algo curioso e você acabou me deixando também curiosa sobre o fim da menina... O que é meio decepcionante, visto que você mesma disse que não descobriremos. Mas tudo bem.rs.

    ResponderExcluir
  26. Oiii
    A sua resenha me deixou muito intrigada quanto ao livro.
    Fico dividia sobre saber se adoraria ou se odiaria o livro.
    Nunca li livros com personagens loucos.
    Obrigada pela sugestão,parabéns pela resenha.
    Beijos,

    ResponderExcluir
  27. Oi!
    Acho o livro um pouco difícil de ler, pois como você disse o personagem tem uma mente um pouco doente, então deixa a leitura um pouco cansativa e confusa.
    Mas o livro é incrível, tras temas muito importantes e interessantes, e principalmente deixa o leitor cada vez mais intrigado.

    www.gordinhaassumida.com.br

    ResponderExcluir