09 maio 2016

Resenha: Mulheres que não sabem chorar - Lilian Farias


Título: Mulheres que não sabem chorar
Autora: Lilian Farias
Editora: Giz Editorial
Número de Páginas: 210
Ano de Lançamento: 2016
Livro cedido em parceria com a autora.

Sinopse:
A vida de Marisa é regida pelo controle. Seja à frente do seu trabalho ou da vida dos filhos, ela é racional, mantendo-se sempre fria, um ser à parte das banalidades, cuja única preocupação é ser um exemplo. Olga é sua antítese. Sentimentos à flor da pele, dor flagelando a carne, pensamentos embaçados pelo esquecimento proporcionado pelo álcool. Sozinha, preocupa-se em apenas ser, em um mundo cercado por fatos que não reconhece mais como seus. Enquanto isso, Ana e Verônica esbarram com o acaso.

Duas senhoras solitárias, vizinhas e antagônicas. Será que um dia alguém acharia que poderiam viver em paz? Mais ainda, será que poderiam se apaixonar? Duas jovens livres e independentes. O que as impede de ficar juntas?

Mulheres que não sabem chorar é mais que uma história de amor entre iguais. Junto a estas personagens tão humanas, o leitor vê-se despido dos preconceitos, pudores e medos. Ora crua, ora poética, a trama nos obriga a enfrentar o espelho e se ver como nunca imaginou antes. Pois ao mergulhar neste romance, o que fará você pensar não é a forma como vê o amor, mas sim a forma com que ele se volta em sua direção. Esteja preparado.

(Danilo Barbosa - Autor de Arma de Vingança)

Crítica:

Mulheres que não sabem chorar, é um livro baseado em histórias de mulheres reais que a autora entrevistou. Lilian Farias colocou em personagens fictícios a história de todas essas mulheres e criou uma estória cheia de tramas, reflexões e emoções. 

Neste livro temos como personagens principais Ana, Olga e Marisa. Vamos aos poucos conhecendo cada uma das personagens principais, como são suas vidas e também acabamos conhecendo a estória de pessoas que vivem ao seu redor, ou que fizeram parte de seus passados. Ana é uma jovem adulta, independente que gosta de fazer trabalhos sociais e ajudar o próximo, porém ela afasta da mãe e do irmão e evita o pai ao máximo. O motivo para tudo isso só nos é revelado na conclusão do livro. Marisa é uma mulher de temperamento forte que devido ao sofrimento que passou durante a infância com os pais, acabou fazendo várias escolhas erradas que acabaram influenciando em sua vida. Agora viúva e com os filhos crescidos, tem que lidar com a ida dos filhos para um intercâmbio que fez com que ficasse sozinha,  Olga é alcoólatra, várias coisas fizeram com que ela se tornasse uma e com isso perdeu algo muito importante, a chance de ver a filha crescer. Com a morte da filha, ela fez uma promessa e agora vai ter de tentar ao máximo para largar o seu vício.

Ana é sempre fechada e mal percebe, mas esta sempre afastando as pessoas de si. É apaixonada por Verônica que é caixa no banco que frequenta e que já viu algumas vezes em um parque frequenta, as duas acabam se tornando amigas, mas tem um porém... Verônica já é casada com outra mulher, o que torna o romance entre as duas praticamente impossível. Olga e Marisa são vizinhas que vivem brigando e se detestam, Marisa faz de tudo para ver Olga mal. Mas um acontecimento trágico e terrível, vai uni-las quando Marisa resolve defender, proteger e cuidar de Olga. E é a partir deste momento, que primeiramente se tornarão amigas e não muito tarde algo a mais.

Um livro impactante, é tudo o que tenho a dizer. Com todas estas estórias/histórias narradas aqui, seu jeito poético e reflexivo de escrever, Lilian nos faz pensar muito sobre todos os acontecimentos. Várias vezes tive que parar a leitura para refletir por um momento. Apesar de o livro tratar da estória de mulheres homossexuais, ele traz estórias paralelas que também aconteceram com heterossexuais. E você percebe que todas as estórias, independente de gênero, aconteceram, acontecem e podem acontecer todos os dias com qualquer mulher.

Este é o primeiro livro LGBT que eu leio e eu só posso dizer que, não há nada de diferente que os outros. A única coisa que consegui enxergar nos romances, foi amor e amor é simplesmente amor, independente de cor, religião, escolha sexual, etnia, etc.

Me envolvi bastante com a estória e todos os personagens, principalmente Olga que foi a personagem a quem mais me apeguei. Sofria ao vê-la sofrendo e quando ela tinha alguma recaída e algo ruim acontecia com ela, era pior ainda. De todas as personagens, Marisa foi a que menos me cativou... Simplesmente não consegui gostar dela, a achei muito arrogante e ela me irritou profundamente em várias partes.

A escrita do livro é fantástica e depois de dois livros, já posso dizer que estou apaixonada com a escrita de Lilian Farias. Não encontrei muitos erros no livro, porém no capitulo "Glória-da-Manhã" a personagem Andressa, com quem Anna teve um caso, é chamada de Vanessa quando ela esta se lembrando do livro de sonhos que Andressa a ajudou a fazer. E neste mesmo capitulo, Ana se encontra com Verônica e se refere a ela como Vanessa, e só quando se inicia uma fala é que o nome aparece como Verônica. Adorei o fato dos capítulos terem nomes de flores e cada uma ter um significado com sentimentos relacionados a cada momento da estória. Achei a capa muito linda e adorei o detalhe de discretamente haver um rosto de mulher nele.

Quando a gente vive com medo, tudo é pretexto para repudiar o novo. Nós nos proibimos e nos machucamos sem sequer ter experimentado. - Pág. 35
O mais engraçado é que sempre tive medo da solidão, e esse medo é que me mantinha só. - Pág. 58
Algumas cargas, só as mulheres compreendem. E quando uma mulher chora aliviada, o universo também sente. Outras mulheres também sentem. - Pág. 184

Nota:

Comentários
26 Comentários

26 comentários:

  1. Oi Pamella, estou bem curiosa sobre esse livro. Já li umas duas resenhas e os comentários não poderiam ser mais positivos. Adorei os quotes e a forma como você descreveu a sua experiência de leitura. Também acho a capa linda e achei muito interessante sobre o início dos capítulos ter nome de flores.
    Beijos, Fer

    ResponderExcluir
  2. Olá, Linda.
    Muito interessante abordar esse tema que ainda é visto com muito preconceito,mas através da educação e a leitura derrubaremos esses muros que ainda existem.
    Realmente, estar definidamente incluído na lista dos mais desejados.

    Aguardo a sua visita!
    Muitos Livros e Sucesso!

    http://booksmagiclove.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oie, já tinha me interessado pela sinopse desse livro e agora vendo sua resenha me interesso ainda mais. Seria interessante conhecer o universo de mulheres que ficam juntas e o preconceito que elas enfrentam além dos problemas que trazem na vida e como elas lidarão com isso. Gostei de saber que cada capítulo tem um nome de flor, muito criativo, e esse título é algo que me chama muita atenção. Adorei.

    ResponderExcluir
  4. Oi. Pam, que bom que curtiu o livro. Menina, ainda to retada com esse erro 'troca de nomes' que saiu... rssrrsrsrsrsrsrs e obrigada por avisar <3
    Olga também me causou profundo sofrimento. Marisa é a face do preconceito, né? Obrigada por suas palavras tão carinhosas <3

    ResponderExcluir
  5. Oi Pamela, ainda não conhecia o livro, mas só pela resenha, fiquei impactada, imagina se tiver a oportunidade de ler. Já li algumas coisas neste universo LGBT e acho que cm o tempo, essa abordagem se tornará mais intensa no meio literário.
    Anotei a dica e espero poder conferir em breve porque tenho certeza que vou apreciar.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Oi, tudo bem?
    A capa desse livro está realmente linda!
    a temática do livro é bem impactante e eu fiquei bastante curiosa com essa história.
    Deve ser bem interessante acompanhar as histórias dessas mulheres e ver como tudo se desenrola na vida delas.
    Que bom que você se envolveu com a história e com os personagens, caso eu tenha oportunidade de ler espero gostar dessa leitura.

    Beijos :*
    http://www.livrosesonhos.com/

    ResponderExcluir
  7. Oii!

    As duas resenhas que li sobre essa obra foram extremamente elogiosas para a obra. Eu tbm não tenho o costume de ler livros com essa temática, mas tenho impressão de que seria uma grande leitura e muito enriquecedora <3
    Gostei muito da sua resenha! Foi bem escrita e me deixou muito mais animada para conhecer o enredo.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  8. Também li esse livro recentemente e adorei. A escrita da Lilian é realmente muito boa e consegue envolver o leitor até o fim. Eu quero muito ler o outro livro dela :D Adorei tua resenha! Também amo essa capa.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Oiee ^^
    Eu também acho a capa desse livro incrível, assim como ele ♥ foi um dos primeiros livros com temática LGBT que eu li na vida, então foi uma grande surpresa para mim gostar tanto dele, pois eu não sabia se gostava de personagens LGBT até então. Acontece que eu adoro! hehe' e também adoro a escrita da Lilian ♥
    MilkMilks ♥
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. OI Pam Boa (hehehe)
    Olha eu já li o Romance da Lilian há algum tempo em outra edição e adorei. Ajudei-a a escolher a capa dessa edição e acertamos em cheio, né? Ficou lindona mesmo.
    Eu curto muito a escrita da Lilian e estou curiosa pela leitura dessa edição, pois ela me disse que foram acrescentadas algumas coisas, mas infelizmente não sei se terei a oportunidade de o ler.
    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Oi!!

    A temática do livro mexe comigo e estou paquerando esse livro há algum tempo. Espero conseguir ler e ter a mesma impressão positiva que venho lendo nas resenhas, adoro obras que nos levem a refletir sobre o social e sem contar que o livro em si é atrativo, a capa, a sinopse, as estórias...... Ufa!!! Ansiosa!!! Beijos!

    ResponderExcluir
  12. Já ouvi falar no livro, mas não sabia exatamente do que se tratava.
    Adorei saber que é sobre LGBT, precisamos de mais livros que levem mais consciência as pessoas, e também não tinha lido nenhum desse gênero, mas ele já entrou pra minha lista! Ótima resenha!

    Virando Amor

    ResponderExcluir
  13. olá!
    Achei a capa linda e o nome também!
    Eu como feminista, adoro esses livros que falam sobre mulheres e também gosto de histórias abordam a comunidade LGBT. Acho super importante a leitura desses livros e se possível que todo mundo lesse. Adorei a sua resenha e já anotei a dica. <3

    ResponderExcluir
  14. Olá Pamella,

    A capa desse livro me deixou encantada, quando comecei a ler sua resenha e vi que a história era baseada em fatos reais meu coração deu um pulinho, mas ao decorrer eu fui perdendo o interesse, pois sei que é um livro que irá me machucar. Não digo que nunca irei ler o livro, mas no momento não tenho condições emocionais para lê-lo.

    http://soubibliofila.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Olá Pamella,
    Já li um livro LGBT e gostei bastante, pois, assim como você disse, só há amor.
    Tenho curiosidade de ler esse livro, pois acho que vou curtir, apesar de sofrer.
    Acho que elas sofreram isso não por serem homossexuais, mas por serem pessoas.
    Já anotei a dica. Devo terminar o comentário te dando parabéns!
    Beijos ♥
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  16. Olá! Já vi muitos comentários acerca das obras e da escrita da Lilian e tenho enorme interesse em realizar leitura de O Céu é Logo Ali. No entanto, por maiores que tenham sido os elogios a "Mulheres que não sabem chorar", o enredo não me atraiu. As histórias parecem fantásticas e com sentimentos profundos. Para quem gosta de acompanhar a literatura LGBT é uma experiência, mas, como não é meu foco de leitura, deixarei passar essa indicação..

    Beijos,
    Fernanda Goulart.

    ResponderExcluir
  17. Oi *--*

    Já tinha visto esse livro mas nunca parei para ver de verdade do que se tratava e me surpreendi em ver que é LGBT. Nunca li nenhum livro voltado para esse publico e adorei o que vc falou sobre não ver nada diferente, é amor e amor é igual para todo mundo.

    Bjos
    http://rillismo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Oi Pamella, eu já tinha ouvido falar desse livro e confesso que sua resenha me cativou mais ainda. É bem diferente do tipo de livro que estou acostumada a ler e isso me interessou bastante, acredito que tem uma trama bem bacana e diferente. Já quero ler!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
  19. Não sei se seria um livro que eu leria por puta e espontânea vontade, mas fiquei bem intrigada com o enredo. Parece ser uma leitura bem diferente, então se esse livro acabar parando nas minhas mãos com certeza vou acabar lendo, só não sei se seria um livro que eu compraria.

    Um Metro e Meio de Livros

    ResponderExcluir
  20. Nossa, já li várias resenhas desse livro, mas não tinha a menor ideia de que era baseado em histórias de mulheres entrevistadas pela autora! Realmente amor é simplesmente amor, independente de orientação sexual, você tem razão. Mas acho que não curtiria a leitura, não gosto muito quando esse jeito poético de escrever está presente, e também não curto alcoolismo em histórias.

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  21. Oi, tudo bem?
    Eu já vi esse livro por ai e fiquei curiosa, porque parece ser bem interessante, mas ainda não sabia que era baseado em histórias reais e isso me deixou mais animada ainda. Todas as histórias são curiosas e me deixaram interessada, tanto que não sei falar qual acredito que me conquistaria mais, acho que cada uma mexeria comigo de uma forma. Enfim, acredito que é uma leitura que me agradaria muito, então vou marcar a dica.

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  22. Li este livro e recentemente e fiquei completamente apaixonada. Foi, sem dúvida nenhuma, um dos melhores que li nos últimos tempos. A Lilian escreve muito bem, e as personagens mexem conosco profundamente. Fiquei muito tocada com a Olga e com a Ana. Amei o livro!

    Tatiana

    ResponderExcluir
  23. Ainda não li nenhum livro LGBT, mas estou pensando em mudar isso o mais breve possível, afinal, estamos com várias opções por aí. Fico feliz que tenha gostado do livro, isso me anima bastante para uma futura leitura.

    Enfim, o livro está na lista e espero apreciar a leitura
    Obs: Amei esses quotes, estou apaixonada.

    Beijos,

    ResponderExcluir
  24. Em minhas andanças pela amazon, acabei encontrando o ebook em promoção e adquiri ele, mas não sabia muito... fui pelo titulo e capa, então foi interessante saber um pouquinho mais sobre o que se trata a história.
    Não será minha primeira leitura lgbt, mesmo assim, fiquei curiosa ao saber isso, além do fato de fazer refletir sobre coisas que pode acontecer com qualquer mulher...
    Beijinhos,
    Lica

    ResponderExcluir
  25. Oi!
    Já conhecia o livro por causa de outra resenha e a sua me deixou ainda mais curiosa sobre a história, que parece ser muito tocante. Realmente, amor não depende de gênero, etnia ou o que for. Espero poder conferir essas histórias em breve.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  26. Preciso desse livro, em temos de tanta tolerância acho uma leitura muito proveitosa. Ainda não conhecia o livro, mas a proposta é muito bacana, tem muito tempo que não leio algo assim, vou adicionar a minha lista, sua resenha me deixou bem interessada!

    ResponderExcluir