17 julho 2016

Tag: Inês Brasil Book TAG


Hello Cults!

Eu já havia visto essa Tag por aí e fiquei com vontade de fazer, mas quando a Bruna do Escritora Whovian me indicou é que eu animei mesmo de fazer. E aqui estou eu, então vamos lá?

1) “Alô, alô, vocês sabem quem sou eu?”: Um livro que merecia mais destaque.


Desafio - C. J. Redwine, é uma trilogia distópica que eu gosto muito. Porém, até hoje apenas o primeiro livro foi lançado por aqui, enquanto nos EUA todos os livros ja foram lançados a muito tempo. Então acho que esta faltando um pouco de visibilidade para ele.

2) “Não tenho pena, quem tem pena é galinha”: Um personagem que você não suporta ou uma morte que você adorou ler.


Não suporto Elena Gilbert de Diários do Vampiro (já disso aqui antes) e eu adorei a morte dela (oops, spoiler), pena que depois ela volta de uma maneira ridícula. Sério mesmo, ela é uma personagem completamente egoísta, mimada, chata, uma péssima amiga, e muito mais. Ela não merece os amigos que tem, que fazem tudo por ela, enquanto ela só ta pensando nos homens enquanto seus amigos estão lutando contra o mau e quase morrendo.


3) “Olha, não me arrasa não”: Um livro que te deixou arrasado.


Nunca chorei tanto lendo um livro como eu chorei ao final de A Estrela que nunca vai se apagar. Para que não sabe, essa é a história da garota que inspirou John Green a escreve A Culpa é das Estrelas (e não, a história delas não tem nada a ver).

4) “Seria meu sonho?”: Qual livro você mais deseja na sua estante?


A muito tempo eu morro de vontade de ler Perdida da Carina Rissi, mas até hoje não tive a oportunidade de adquirir o livro. Então seria um sonho poder ter este livro na minha estante.
 
5) “Então segura a marimba aí, monamur”: Um plot twist que você não superou;


O Beijo da Morte de Judie Castilho teve um plot twist impressionante e interessante, eu até que consegui prever um pouco do que aconteceria, mas não deixou de ser uma surpresa enorme quando descobri tudo e com todos os detalhes.

6) “Munique, manda ele sair daqui”: Um livro ou autor que você não pretende reler;



Nem se me pagassem eu leria O Resgate de Maria Metálica e nem O Retorno de Maria Metálica. Estava até gostando, mas aconteceram muitas coisas bobas e sem justificativa que deixou tudo muito sem noção.
 
7) “Eu nem entendi um pouco direito”: Um livro do qual você não entendeu nada ou um livro que termina em aberto; 


Li Cobra Norato na época que eu fiz vestibular, a leitura foi rápida e fácil. Li em 30 minutos e ao fim, eu não havia entendido nada de nada sobre ele.

8) “Me chama que eu vou!”: quem você indica para responder a tag?

Bom, eu tenho receio de marcar as pessoas e ela se incomodarem com isso... Por isso se você esta lendo esse post e se interessou pela Tag, você esta intimada(o) a responder. Ah e claro, deixe o link aqui, pois vou amar saber o que vocês responderam.


Beijinhos e Até a Próxima!
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário