18 outubro 2016

Resenha: Loui, O Palhaço Medonho & Outros Contos Sombrios - Leonardo Otaciano e Matheuz Silva


Título: Loui, O Palhaço Medonho & Outros Contos Sombrios
Autores: Leonardo Otaciano e Matheuz Silva
Editora: Fonzie
Número de Páginas: 132
Ano de Lançamento: 2016
Livro cedido em parceria com a editora.

Sinopse:
Acervo sombrio de Leonardo Otaciano e Matheuz Silva ocupado por tétricos vilões, criaturas sobrenaturais, elementos sanguinários, jovens possessos e um medonho palhaço, seres presenciados pelo leitor em âmbitos excêntricos e corriqueiros. O medo será um louvável companheiro durante as descobertas nefastas destes recontos.
Crítica:

Em Loui, O Palhaço Medonho & Outros Contos Sombrios, temos 11 contos de terror escritos pelos autores Leonardo Otaciano e Matheuz Silva.

No conto Loui, O Palhaço Medonho, é contada a estória de Nícolas um garoto morador de Minas Gerais que vive atormentado por um palhaço terrível e sombrio que lhe parece em sonhos e quando está acordado. Em A Criatura de Flastonbury, temos a estória de uma horrível e demoníaca criatura que ataca a cidade Flastonbury na Inglaterra de tempos e tempos. Nada pode aplacar sua fome e ela pode matar e devorar não só uma família inteira, mas centenas de pessoas.

Madarijeszto, traz um conto onde a menina Lenci é atormentada por um espantalho que era seu melhor amigo, mas também seu grande tormento. Foi afastada de seus amigos, família e vivia apenas para o espantalho. Precisava de ajuda, tentou pedi-la, mas não lhe deram atenção...

Façanhas Assustadora de um Palhaço, Loui está de volta neste conto ainda mais assustador do que nunca. A estória se passa em São João Del Rey e São Paulo, depois de atormentar Nícolas, o palhaço vai atrás de Dan Gregório um de seus melhores amigos. O conto Hit to the Road Jack: O Blues Macabro, tem como personagem principal Jack, um adúltero e alcoólatra que não consegue lidar com o fato de sua amante estar grávida e se culpa por enganar as duas mulheres. Em uma noite encontra uma mulher misteriosa que passa a "persegui-lo" e diz que as coisas vão mudar.

Em O Cemitério Perdido quatro jovens se encontram perdidos em uma estrada após uma festa e resolvem pedir informações para um simpático senhor que passava por lá àquela hora. Acabam em um macabro cemitério e a única coisa que esperam é poderem voltar para casa. O conto Luzes Acesas é mais um encontro do leitor com o palhaço Loui que dessa vez resolve atormentar Arnold, ou amigo de Nícolas. Será que o palhaço não vai parar?

Invasão ao Colégio São Sebastião conta a estória da cidadezinha onde uma criatura assombra uma escola e mata a todos que encontra em seu caminho, seja animal ou humano. Em A Estradinha do Medo, dois irmãos estão viajando em Santa Catarina, ambos conseguem ver na estrada uma mesma garotinha, que mais ninguém além do motorista do ônibus vê. Um acidente acontece e poucos sobrevivem, mas será que essa garotinha vai os deixar em paz?

As Descobertas do Medonho, mais um conto com o temido palhaço Loui, que vai atrás de Nestor, mais um amigo de Nícolas e acaba se surpreendendo com o mais novo dos amigos. O Cativeiro de Déwin e o Horror em São João Del Rey, é o conto final deste nosso livro. Nele os universos de Invasão ao Colégio São Sebastião e do palhaço Loui se juntam, e temos uma reviravolta e conclusão dos outros contos envolvendo o palhaço, Nícolas e seus amigos.

Primeiro livro do gênero de terror que eu li, e gostei bastante da experiência. O livro está recheado de contos muito bons e com desfechos surpreendentes. Meus contos preferidos foram A Criatura de Flastonbury, O Cemitério Perdido e o penúltimo de Loui (As Descobertas do Medonho). Se você gosta de terror, esta é uma ótima pedida, na verdade acho que Loui merecia um livro aterrorizante somente dele. A leitura do livro é super rápida e tranquila, quer dizer... Tirando os sustos e descrições sangrentas, haha. Achei bem interessante a descrição dos personagens, na maioria jovens que em sua maioria são imprudentes e imaturos, tendo algumas exceções, o que tornou a leitura bem realista. Vários contos tem a estória passada em Minas Gerais, e como mineira, bate aquele medinho, haha. Algo bem bacana no livro é que os contos de passam em diferentes lugares, podendo ser tanto no Brasil como na Rússia.

O livro é muito bem escrito e o enredo bem montado. A diagramação do livro é maravilhosa, cada início de conto tem uma imagem misteriosa e até assustadora, com uma frase de impacto. A qualidade do livro é excelente. Não encontrei erros na revisão. A capa é assustadora e me fez imaginar Loui exatamente assim. Uma ótima primeira experiência com o terror, obrigada pela honra.

Nota: 

De vez em quando, alguns demônios, fantasmas e criaturas desconhecidas aparecem por aqui. Diz a lenda que o inferno é muito pior do que aquilo tudo que dizem e pensam sobre ele. -Pág. 16
O palhaço Medonho desapareceu na escuridão da noite da grande São Paulo. Na ruazinha que ficava bem ali, do lado de muitas coisas, mas, ao mesmo tempo, escondida, bem escura, abandonada completamente impossível de ser lembrada. Mas um palhaço assassino pode estar em qualquer lugar, e ele sempre se lembra, você já de concordar com isso. -Pág. 61
Muitos bebem para esquecerem seus problemas, para anularem a dor de suas perdas e fracassos, para mostrarem aos outros que são fodas e que também conseguem fazer parte do mundo sensacional. -Pág. 63

Comentários
4 Comentários

4 comentários:

  1. Olá Pamella, que resenha incrível! Nós, os autores, agradecemos demais. A sua apresentação está perfeita e tu conseguiu captar pontos que outros leitores não perceberam. Temos uma notícia para lhe dar, o Loui ganhará um livro único onde poderá aterrorizar outras pessoas e ser conhecido ainda melhor pelos leitores, este é um projeto que meu filho e eu já estamos organizando.

    Agradecemos pelo carinho e ficamos felizes em saber que a experiência da leitura lhe agradou.

    Aproveito para lhe dizer que o seu blog é fantástico e foi indicado ao Prêmio Dardos pelo nosso blog, o Marcas Literárias. Dê uma passadinha lá quando puder.

    Beijos nossos, obrigado.

    Léo Otaciano
    Marcas Literárias
    http://leootaciano.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!

      Fico muito feliz de saber que gostou da resenha e que consegui pontuar coisas que outras pessoas não conseguiram.
      Saiba que adorei saber que Loui vai ter um livro solo e já estou curiosíssima para saber o que é que o Medonho vai aprontar.

      Obrigada, o Cantinho Cult agradece pelo fantástico, tento meu melhor aqui <3

      Obrigada pela indicação a tag, com certeza vou dar uma passada lá!

      Beijinhos!

      Excluir
  2. Sou apaixonada por esse livro, mas ainda não tive a chance de ler.
    Já li várias resenhas e fiquei apaixonada pelo enredo.
    Art of life and books

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia quando tiver a oportunidade, ele é mesmo muito bom. Recomendo a todos, com certeza.

      Excluir