13 dezembro 2016

On My Tv: Goong (Princess Hours)


Título: Goong (Princess Hours)
Canal: MBC
Nacionalidade: Sul Coreana
Ano de Lançamento:2006

Elenco Principal:Yoon Eunhye, Ju Jihoon, Kim Jeonghoon, Song Jihyo e Shim Hyejin.

Sinopse:
Em uma realidade moderna alternativa, a Coreia é governada por uma monarquia que luta para manter sua força e relevância na sociedade atual. Mas quando o Rei fica doente, a família real luta para preparar o príncipe herdeiro Lee Shin (Ju Ji Hoon) para o casamento e possível sucessão para melhorar a imagem pública da Família Real. Apesar do Príncipe Herdeiro estar apaixonado por Min Hyo Rin (Song Ji Hyo), que escolheu sua carreira como bailarina sobre ele, ele aceita se casar com uma pessoa comum, a desajeitada mas doce Shin Chae Kyung (Yoon Eun Hye), que frequenta a mesma escola de arte exclusiva. Mas as coisas se complicam quando o Príncipe Lee Yul (Kim Jeong Hoon), primo do Príncipe Herdeiro Shin, regressa depois de passar 14 anos na Inglaterra e também de apaixona por Chae Kyung. Irá uma série de escândalos desafiar a relação destinada do novo casal? “Goong”, também conhecido como “Horas de Princesa”, é um dos dramas sul-coreanos mais populares de 2006.
Curiosidades:

Originalmente o elenco de Goong era para ter BoA como Chaekyung, Jo InSung como Shin, Moon GeunYoung como Hyorin e Kang Dong Won como Yool.

Yoon EunHye fez a audição para outro papel, porém conseguiu o principal  de Chaekyung.

Ocupou o segundo lugar na audiência, só foi superado por Jumong (um drama histórico).


Crítica:

No drama coreano Goong, também conhecido como Princess Hours, temos Chaekyung (Yoon Eunhye) uma garota comum e que sonha em ser design de moda. Ela tem amigas super leais e meio doidas a quem ama muito, e apesar de todos os problemas financeiros ela e a família se amam muito e são muito unidos.

Temos também Shin (Ju Jihoon), Príncipe Herdeiro do trono da Coréia do Sul. Ele estuda na mesma escola que Chaekyung, porém ele tem grande aptidão para fotografia e estuda as artes voltado para essa área e o cinema. Shin tem um grupo seleto de amigos, composto por 3 amigos e Hyorin (Song Jihyo), até então namorada dele. Shin é um garoto muito fechado e pode-se dizer que até certo ponto é frio e arrogante, mas tudo isso devido as responsabilidades e criação que teve como Príncipe Herdeiro.


A estória passada em 2005 retrata uma Coréia do Sul onde ainda existe uma família real, assim como muitos países que conhecemos, como a Inglaterra. Apesar de jovem, a família real acha que está na hora de Shin se casar, pois todos da realeza se casam cedo e estão precisando que o povo olhe para ele, pois a monarquia está ameaçada. Com medo de se casar com alguém que não gosta, Shin pede sua namorada Hyorin em casamento e esta recusa devido ao seu sonho de ser bailarina e não querer ficar aprisionada a família real.

O que Shin não sabia, era que seu avô havia feito uma promessa com seu amigo de que seus netos se casariam. E o que ele não esperava era que sua noiva seria Chaekyung uma colega de escola que havia arruinado seus sapatos em um acidente. A família real, procura então a família de Chaekyung para cumprir a promessa. Ela se recusa terminantemente a se casar com o arrogante Shin, mas ao ver sua família passar dificuldades e correndo o risco de perder a casa e tudo o que tinham... Ela aceita a proposta de casamento, com a condição de que sua família ficaria bem.


Chaekyung passa então a viver no Palácio e estudar sobre a família real, costumes e linguajar até que o casamento aconteça (e depois também). Neste meio tempo Yool (Kim Jeonghoon), primo de Shin, chega na Coréia do Sul e vai estudar na mesma escola, acaba por estar na turma de Chaekyung e começa uma amizade com ela e suas amigas. Yool vivia isolado na Inglaterra com a Mãe e agora decidem voltar. Inicialmente Yool tenta dar dicas ao primo para ser gentil com a futura esposa e agradar ela, mas Yool acaba se apaixonando por Chaekyung. E vai se tornar um pé no saco vingativo que estraga tudo quando está bem com os mocinhos. 

Após o casamento, as coisas não ficam fáceis. Os dois brigam muito e em poucos momentos tem momentos de paz, afinal Hyorin volta para perturba-los isso porque não queria se casar né, segredos do passado da família real vem para assombrar, personagens causam intrigas, Yool tenta persuadir Chaekyung a deixar Shin e no meio disso tudo Chaekyung e Shin acabam se apaixonando e aprendendo a conviver um com o outro. Mas muita coisa ainda vai perturba-los até que possam estar juntos.

Um dorama (novela coreana) maravilhoso e sofrível, como é normal nos doramas. Acredite, você vai chorar pelo menos uma vez durante o drama. Goong não é só mais um drama adolescente, ele possui uma trama densa e cheia de elementos que vão sendo revelados aos poucos para os espectadores. De forma profunda vamos entendendo cada personagem a medida que o passado é revelado e que os conhecemos melhor. Podemos também enxergar o amadurecimento dos personagens, como por exemplo a Chaekyung que de uma jovem alegre e cheia de vida, acaba ficando triste e até mesmo um pouco doente com a vida no palácio. Mas existem personagens que não mudam nada e você simplesmente quer esgana-los do início ao fim do dorama. Os personagens secundários conseguem ser tão marcantes quanto os principais, principalmente as amigas e família de Chaekyung. Na família real meus favoritos são a Grande Rainha Mãe e a irmã de Shin que são uns amores.


A estória é muito bem construida e tudo se encaixa de maneira perfeita. Temos uma trama bem densa, como já foi dito anteriormente.  E muita treta. A atuação dos atores foi excelente e não deixaram nada a desejar, pelo menos em minha leiga opinião. A trilha sonora é muito linda e com certeza foi bem escolhida para este drama. Emocionante, deslumbrante e arrebatador seriam palavras que eu usaria para descrever Goong. Recomendo muito para os amantes de dramas asiáticos e também para quem não gosta, pois com certeza você vai ser conquistado.

Nota:
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário