17 abril 2017

Resenha: Recomeçar - Fernando Luiz




Título: Recomeçar
Autor: Fernando Luiz
Editora: Amazon
Número de Páginas: 150
Ano de Lançamento: 2016
Compre na Amazon
Adicione ao Skoob

Sinopse:

Um nome nunca é a coisa mais importante que podemos carregar, junto com ele vêm às coisas boas e más. Isto não é diferente quando se tem o nome de uma ilha, Kleyton Duncan não é um exemplo de morador. Marginal, assassino e o único impune em toda ilha Duncan. Matheus Alves consegue fugir dos mandos e desmandos do ditador, unir-se com alguém que não o julga e colocar Kleyton atrás das grades é a melhor das opções, mas, o que acontece quando a pessoa que está te ajudando foi vítima de seus atos?
Matheus recebe auxilio do pai do rapaz que ele matou, todos os eventos do assassinato de William Santos voltam a rondar a ilha. Novas cogitações, suspeitos e os verdadeiros assassinos começam a aparecer, Matheus ganha total apoio de Ricardo, o médico mais respeitado da ilha, tornam-se aliados em meio aos vizinhos que são contra tal união. Descobrem-se um filho para um homem que perdeu tudo e um pai para um rapaz que não tinha nada.
Conheça a história por trás do nome Duncan e todos os mistérios desta ilha. 
Critica:

Recomeçar se passa em um lugar fictício, as Ilhas Duncan compostas pelas cidades de Hellowood e Burtowood. Ricardo Santos acorda em uma noite chuvosa para encontrar Matheus Alves em sua cozinha. Vendo que o menino estava assustado e machucado resolve ajudá-lo.

Matheus era um dos garotos de Kleyton Duncan, um homem sem escrúpulos e que manda e desmanda naquelas ilhas, comete crimes e nada lhe acontece. Matheus estava sendo mantido preso por ele, mas consegue fugir e é ai que encontra Ricardo.

Ricardo resolve acolher o jovem, mas descobre que ele é um dos responsáveis pelo assassinato de seu filho, William. Matheus não queria, mas Kleyton havia o forçado a atirar no amigo. Matheus se entrega a Polícia e conta tudo o que sabe, indo preso e passando 2 anos na prisão de alta segurança Green Devil. Após a saída da prisão, Matheus iria ficar em um hotel pago por Ricardo, mas imprevistos acontecem e ele acaba indo morar em sua casa. Ricardo trata Matheus como um filho e Matheus encontra nele o pai que não pode ter. Ação, romance, mistério e muitas surpresas, fazem parte do enredo eletrizante de Recomeçar.

Este livro é cheio de emoções, quando se pensa que as coisas vão se acalmar... BOOM! Algo surpreendente acontece. O livro é cheio de acontecimentos inesperados, assim como no livro Inesperado do autor Fernando Luiz que já foi resenhado aqui no Cantinho Cult. Cheguei a cogitar a possibilidade de Matheus ter 7 vidas, pois ele sobreviveu a cada coisa... Não só um livro que se trata de ver o vilão atrás das grades, mas um livro que mostra como algumas pessoas podem ser influenciadas a seguir um caminho tortuoso e também mostra muito a relação pai e filho, algo tenho notado muito nos livros do autor que li até o momento.

Admiro bastante a capacidade do autor para criar os lugares das cidades descritas no livro e até escrever falas onde os personagens orientam que "tal lugar fica na rua tal com rua tal". Isso tornou bem realista a leitura e as descrições da ilha me possibilitaram imagina-la. Os personagens são bem construídos e com características únicas que os diferenciam dos demais.

A formatação do ebook está boa, porém encontrei alguns erros de digitação, mas nada que atrapalhe a sua leitura. A capa do livro é bonita e tem muito a ver com a estória, a gente entende isso depois de ler, hahaha. O autor está lançando o livro em formato físico, para adquiri-lo basta entrar em contato por inbox com o autor.

Nota:


Ele dirigiu até a casa onde ainda não se sentia morador, somente um hospede, mais uma prova, uma peça importante que poderá ser descartada.
- Garoto. - A mulher o chamou antes que ele iniciasse a coerida na direção da paróquia. - Obrigado por tê-la ajudado na ponte. - Matheus ficou vermelho, nunca ninguém o agradeceu de nada, ele sorriu e começou a correr até a paróquia.
- Lembra quando eu disse que você era oxigênio, então, me fez viver, eu que agradeço. - Ricardo sorriu. - Meu filho.

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário